Educação discute planejamento para escolas de tempo integral

DSC_5964-300x200  Representantes da Secretaria de Educação e das 16 escolas de tempo integral do município se reuniram nesta terça-feira (09/01) na E.M. Carlos Magno, no Centro, para discutir os conteúdos mínimos que devem ser aplicados nas unidades para formar os alunos em sua integralidade com habilidades e competências respeitando as características de cada localidade.

Professores, orientadores educacionais e pedagógicos, coordenadores e diretores da Educação debateram sobre transversalidade, território (falar das origens), personalização, participação (gestão democrática), experimentação e planejamento semanal.

“Nossa meta é saber que precisamos mudar a realidade onde há necessidade, executar o que não deu certo até agora e melhorar para o próximo ano letivo”, declarou Marcos Ribeiro.

Coordenadora de tempo integral, Claudia Ribeiro completa: “Todos fazem a diferença contribuindo com novas ideias para que a escola de tempo integral alavanque e apareça de acordo com cada segmento. Afinal, são 2.700 alunos e temos que decidir o que fazer para alcançar o objetivo na formação”, resumiu, adiantando que até o final de 2018 a cidade contará com um total de 30 escolas de tempo integral.

Comentar

Seu endereço de email não será publicado.Campos marcados são obrigatórios *

*

18 − três =

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>